Araquém Alcântara: História

Araquém Alcântara, 67 anos, é apontado pelos críticos como um dos precursores da fotografia de natureza no Brasil e um dos mais importantes fotógrafos em atuação no país.

Desde 1970, Araquém Alcântara dedica-se integralmente à documentação da natureza e do povo brasileiro.

Seu trabalho, de notoriedade internacional, tornou-se hoje uma referência nacional e fonte de inspiração para os novos fotógrafos.

Em sua vasta produção constam:

  • 52 livros  sobre temas ambientais;
  • 22 livros em co-autoria;
  • 5 prêmios internacionais;
  • 32 prêmios nacionais;
  • 75 exposições individuais;
  • Inúmeros ensaios e reportagens para jornais e revistas nacionais e estrangeiras.

Além disso, é o primeiro fotógrafo a documentar todos os parques nacionais do Brasil e a produzir uma edição especial para a National Geographic Society denominada Bichos do Brasil.

Prêmios de Araquém Alcântara

Entre seus prêmios mais importantes destacam-se:

  • Prime Print Wards de Chicago (EUA), categoria livro de arte com a obra Araquém Alcântara: Fotografias, 2011
  • UNICEF- Presença da Criança nas Américas, Colômbia, 1981
  • Jabuti para o livro Amazônia, ( TerraBrasil Editora ) 2006, com textos de Drauzio Varela, Aziz Ab’Saber, Sidney Possuelo, Marcio Souza, Thiago de Mello e Betty Mindlin.
  • Dorothy Stang de Humanidade, Tecnologia e Natureza – categoria Humanidade, 2007. Governo de São Paulo
  • Fernando Pini, de melhor livro de arte do ano, com a obra Mar de Dentro, 2007 e Sertão Sem Fim, em 2010
  • “Von Martius”da Câmara de Comércio Brasil-Alemanha, categoria Natureza, 2002 
  • Abril de Jornalismo nos anos 1998, 2009, 2010 e 2011 com reportagens sobre a Amazônia 
  • Aquisição da Coleção MASP- Pirelli em 1996
  • Associação Paulista de Críticos de Artes-APCA, pela exposição Saudade Moderna, na reinauguração da Pinacoteca do Estado, em 1986
  • Finalista do Prêmio Jabuti e do Prêmio Fundação Conrado Wessel, em 2010, com a obra Sertão Sem Fim

Fim dos anos 90 e começo dos anos 2000

Em 1999 lançou, após dez anos de pesquisas e viagens, TerraBrasil (Editora Melhoramentos) o livro de fotografia mais vendido no país, atualmente na décima segunda edição.

Além do mais, possui fotos em acervos de vários museus e galerias, entre eles o Museu do Café, em Kobe, Japão; Centro Cultural Georges Pompidou, Paris,  Museu Britânico, Londres, Inglaterra; Museu de Arte de São Paulo (MASP) e Museu de Arte Moderna (MAM), de São Paulo.  

Posteriormente, no ano de 2001, foi escolhido pelo The British Museum, de Londres, para produzir a capa do livro Unknown Amazon que acompanhou uma grande exposição etnográfica sobre a Amazônia. Neste mesmo ano, foi convidado pelo Ministério das Relações Exteriores para realizar a exposição Mudanças Climáticas, no Memorial da América Latina em São Paulo.

Com o apoio do Ministério do Meio Ambiente realizou no Jardim Botânico do Rio de Janeiro a exposição “Parques Nacionais do Brasil”.

Em 2009, junto com o medico e escritor Drauzio Varela foi agraciado com a mais importante comenda do Exército, a Medalha do Mérito Militar, pelos serviços prestados à Amazônia 

Por fim, priorizando a fotografia como expressão plástica e instrumento de transformação social, Araquém Alcântara é hoje, um dos mais combativos artistas em defesa do patrimônio ambiental do país.

Deixe um Comentário

<

Shopping cart